nav-left cat-right
cat-right

Mostra em Gramado

Chique e no ponto: o "Wine Bar" de Luis Sentinger. Clique para ver maior.

Chique e no ponto: o “Wine Bar” de Luis Sentinger. Clique para ver maior.

Minha amiga Marisa Lima é assim: generosa como só ela! Já perdi a conta das vezes em que ela se esforçou para me levar a algum evento, para me “tirar de casa” (e de minha “síndrome de bicho-do-mato”  ), me trazer uma revista, um catálogo ou qualquer outra publicação que ela sabe que vai me agradar, sem contar nas inúmeras vezes que teve paciência a mais com meu pobre “ser agoniado”.  Enfim, é amiga como poucas, para sempre!

Um outro visual do "Wine Bar" de Luis Sentinger. Clique para ver maior.

Um outro visual do “Wine Bar” de Luis Sentinger. Clique para ver maior.

E Marisa esteve em Gramado em agosto. E, ao visitar uma mostra de decoração local, se preocupou em me trazer os catálogos e me repassar as fotos que de lá trouxe do que mais a agradou – nem preciso dizer que, do panorama geral, foi o que também curti. A mostra é da Villa Sergio Bertti – clique para ver as fotos! – criada pela empresa de mesmo nome, fabricante de belos móveis na cidade. Muito sofisticada, deu pra ver que, em termos de decoração, Gramado está muito bem servida. Com a participação de profissionais da cidade e também de POA e de São Paulo, comprova que, de norte a sul do país, as pessoas estão cada vez mais ligadas no que é bom e bonito.

O belo espaço externo do "Paisagismo do Lago". Clique para ver maior.

O belo espaço externo do “Paisagismo do Lago”. Clique para ver maior.

Falando mais sobre o evento, trata-se do terceiro de uma série que a empresa moveleira Sergio Bertti (estabelecida na região há 30 anos), pretende realizar. Estou preferindo mostras pequenas e compactas desse jeitinho: evidenciam o que anda em alta em determinado local e destacam o que é tendência de um modo geral. Assim sendo, gostei muito do “Wine Bar” de Luis Setinger: o já consagrado profissional equilibrou bem neutros com brancos, o que deu certo em toda a mostra. O Jantar de Maria Cecília Sperb também me chamou atenção pela simplicidade, ainda que utilizando móveis de alto luxo – e os “modelos” sentados à mesa nos mostram, mais uma vez, que precisamos de GENTE a ocupar estes lindos espaços…

O "Jantar" elegante e divertido de Maria Cecília Sperb. Clique para ver maior.

O “Jantar” elegante e divertido de Maria Cecília Sperb. Clique para ver maior.

Destaque também para o “Paisagismo do Lago“, de Débora Innig e Christine Loro, com um estar ultra confortável ao ar livre. Achei divertida a luminária “em cachos” montada por Rogério Menin sobre a mesa de refeições de seu “Loft“, bem como o uso descontraído que ele fez com as almofadas sobre um sofazão em capitonê – que está de volta, anotem!

Almofadas coloridinhas sobre capitonê: descontração no "Loft". Clique para ver maior.

Almofadas coloridinhas sobre capitonê: descontração no “Loft”. Clique para ver maior.

Enfim, curti espaços e detalhes, nesta viagem virtual a que minha amiga me conduziu. Hoje em dia, é possível realmente visualizar um lugar sem ter ido até ele. Foi o que fiz neste caso. Mas Gramado sim, está na minha “lista de viagens do desejo”…

PS Importante: eu não esqueci que a Casa Cor e a Morar Mais estão “no ar”, aqui no Rio, no momento. Como disse no post anterior, não pude ir na abertura da primeira à imprensa, nem do encontro de blogueiras da segunda. Gostaria de ter ido mas não rolou. E não acredito que vá visitar nenhuma das duas. Hoje em dia, depois de muitas mostras vistas e re-vistas, tá difícil me fazer sair de casa para ver… mais do mesmo…

PS Importante complementar: …o que não me impede de fazer posts específicos sobre elas. Ainda mais que estou com fotos em abundância, de ambas…

Related Posts with Thumbnails

Deixe um Comentário