nav-left cat-right
cat-right

Como cuidar dos seus arranjos de flores

Carol Berto Scaff, do blog Decorar com Flores

Neste segundo texto, Carol Scaff nos explica como cuidar de arranjos de flores naturais ou preservadas (as antigas artificiais).
São coisas simples que vão manter seus arranjos sempre belos!

Um lindíssimo arranjo com rosas naturais feito por Carol Scaff com  fotos de Gisele Vellit.

Um lindíssimo arranjo com rosas naturais feito por Carol Scaff. Foto: Gisele Vellit

No post anterior, falei sobre as diferenças entre flores naturais e artificiais (hoje em dia chamadas de flores permanentes). Mas você sabe como cuidar das suas flores? Vou dar algumas dicas para os seus arranjos durarem mais tempo.

Lindas Alfazemas (preservadas) em vaso! Você nem acredita que não são verdadeiras…

Arranjos de flores naturais:
Quando você recebe aquele buquê maravilhoso ou um arranjo de flores em espuma floral, você pode fazer com que ele tenha uma vida um pouco maior com os seguintes cuidados:
1- corte dois centímetros das pontinhas das hastes na diagonal – dessa forma terá uma maior área de absorção de água;
2- retire todas as folhas que possam ficar submersas, pois a folha em contato com a água faz proliferar bactérias que causam odor e estragam mais rápido as flores;
3- coloque as flores num recipiente com água corrente fresca e limpa, pode até ser geladinha;
4- use algumas gotas de conservante de flores dentro do recipiente. Eu uso um conservante chamado “Flower”, à venda em casas especializadas. Outra opção é usar duas gotinhas de água sanitária;
5- coloque seu arranjo num ambiente arejado e ao abrigo da luz do sol;
6- cada espécie de flor tem uma durabilidade. Então, cuide de cada uma: retire as pétalas que estão ficando amareladas, remova a flor que já não tem uma boa aparência;
7- repita este processo a cada dois dias;
8- se o seu arranjo está na espuma floral, apenas coloque água com conservante bem no meio do floral a cada dois dias para mantê-lo hidratado.

Belíssima composição com hortências preservadas.

Arranjos de flores permanentes (ou flores artificiais)
As flores permanentes não exigem todos os cuidados das flores naturais, mas elas acumulam poeira e, por isso, devem ser limpas periodicamente. Veja:
1- quando adquirir, pergunte se são laváveis. Eu recomendo lavar a cada dois meses e uma vez no mês passar um pano úmido. Se lavar muitas vezes, ela vai perder a vida útil mais rápido;
2- quando lavar, use sabão neutro e água corrente. Deixe pendurada de cabeça para baixo para escorrer e depois de 30 minutos seque com papel toalha;
3- as permanentes são feitas para se usar internamente, nunca debaixo do sol, pois elas vão perder a cor e se deteriorar com a ação do sol, vento e chuva.

Apesar das flores naturais serem muito mais trabalhosas de se lidar, é inegável que elas trazem uma energia e um aconchego que só o que é genuíno é capaz. Então, sempre que o ambiente e as condições do espaço forem propícios, recomendo que você use flores naturais frescas!.

De qualquer maneira, esses são os principais cuidados. Mãos à obra e espero que, dessa forma, seu arranjo de flores (sejam eles naturais ou permanentes) durem o máximo de tempo possível!

*Carol Scaff é designer de flores e trabalha apenas com flores e plantas naturais. Para saber mais sobre seu trabalho, acesse www.decorarcomflores.com.br

Related Posts with Thumbnails

Deixe um Comentário